EDM

Organização:
Disciplina de Telemedicina do Departamento de Patologia da Faculdade de Medicina da USP.

Coordenação Geral:
Prof. Dr. Chao Lung Wen
Chefe da Disciplina de Telemedicina

Oficina de Educação de Qualidade em Saúde com uso de Recursos Exponenciais

É com muito orgulho que anunciamos que tivemos ao todo 675 inscritos de 168 municípios brasileiros! Atendendo a pedidos, abriremos inscrições para a segunda etapa da Oficina de Educação de Qualidade com uso de Recursos Exponenciais e Adesão ao Observatório de Recursos Exponenciais para Educação de Qualidade a partir do dia 19 de novembro de 2018!

Veja como foi o evento presencial:

Recursos para educação conectada em Saúde.

  • Telepatologia: Desenvolvimento de Raciocínio Investigativo Médico baseada em Autópsia.
    Profa. Dra. Maria Lucia Garcia (Faculdade de Medicina da USP).
  • Recursos de votador de dúvidas e votador de opinião da Plataforma Inovalab para interação e desenvolvimento reflexivo dos alunos.
    Profa. Raquel Acciaritto Motta (FMUSP).
  • Tecnologias educacionais: perspectivas e qualidade no processo ensino/aprendizagem. (Mundo do conhecimento / informação / aprendizagem. Desafios para quem ensina e para quem aprende hoje. Ferramentas tecnológicas para avaliação e intervenção. O papel do EAD e o uso da tecnologia educacional)
    Profa. Dra. Josiane Maria de Freitas Tonelotto – UNICAMP e ABED/ABED.

Modelos Educacionais para Educação Interativa Digital.

  • Modelo Educação Interativa 4.0 Metacognitiva (Aprendizado Baseado em Projeto de Soluções de Problemas).
    Prof. Dr. Chao Lung Wen (Faculdade de Medicina da USP).
  • Modelo de Aprendizagem Adaptativa.
    Profa. Dra. Livia Almeida Dutra (Hospital Israelita Albert Einstein).
  • Educação 4.0: novos cenários para a EaD.
    Prof. Dr. Carlos Fernando de Araujo Jr. (Pró-Reitor de Educação a Distância da Cruzeiro do Sul Educacional).

Palestra Magna

  • Avaliação de Rendimento Educacional.
    Prof. György Miklós Böhm.

Recursos Educacionais Exponenciais

  • Homem Virtual: vídeos temáticos (VILOs), Objetos Digitais (MILOs) e Impressão 3D para aprendizagem Morfofuncional, Clínico-Anatômico.
    Prof. Dr. Chao Lung Wen (Faculdade de Medicina da USP).
  • O uso de Plataforma Multidisciplinar auxiliando as metodologias ativas (Mesa Anatômica Interativa).
    Eng. Cláudio Soares de Santana.
  • Realidade Imersiva no auxílio da educação na área de saúde.
    Dra. Anna Carolina Muller Queiroz (Pesquisadora do Stanford University VR Lab).
  • Usos de Inteligência Artificial para Educação na Saúde.
    Eng. Alexandre Moreira Nascimento (Serial Entrepreneur e Technologist).
  • Ensino na saúde: programa informativo vivencial para promoção de habilidades e competências atitudinais.
    Profa. Dra. Dagma Venturini Marques Abramides (FOB-USP).

Esta oficina apresenta aos participantes os recursos exponenciais disponíveis para a educação e a importância da inserção destes recursos em modelos e estratégias educacionais, em sincronia com uma boa Avaliação de Rendimento Educacional.

No dia 26 de outubro de 2018 a oficina foi realizada em formato híbrido conectado. Os participantes presenciais, além de conhecer pessoalmente os outros participantes e o laboratório de computação gráfica 3D do Homem Virtual, puderam utilizar seus smartphones, tablets ou notebooks para participar das interações por meio do uso do votador de dúvidas e votador de opinião. Os participantes conectados assistiram a transmissão ao vivo do evento e interagiram em tempo real, participando através da plataforma.

A partir do dia 19 de novembro de 2018, inicia-se uma nova fase, com a inscrição de novos participantes. Nesta nova fase, a participação será somente pela modalidade conectada.

Os 3 importantes objetivos da oficina são:

  • Mostrar como os Recursos Exponenciais podem “universalizar a educação de qualidade”, uma vez que estejam integrados a bons modelos educacionais e Avaliação de Rendimento Educacional.
  • Formar um grupo permanente para desenvolver pesquisas em inovações educacionais.
  • Estimular a reflexão sobre o encerramento da dualidade Educação Presencial x EaD, e criar o conceito de Cadeia Produtiva de Educação por meio de Recursos Interativos.
  1. Eng. Alexandre Moreira Nascimento: Serial Entrepreneur e Technologist residindo atualmente no Vale do Silício na Califórnia. Engenheiro Mecatrônico formado na Poli USP, Mestre em Administração pela FEA USP, Mestrado no MIT e especializações na Escola Paulista de Medicina da UNIFESP, FGV e em Harvard.
  2. Dra. Anna Carolina Muller Queiroz: Psicóloga formada pela UEL, com pós-graduação em Medicina Comportamental pela UNIFESP, Mestrado em Psicologia pelo IP-USP e Doutoranda pelo IP-USP. Possui diversas especializações em Harvard, MIT e Stanford University. É atualmente pesquisadora do Stanford University Virtual Human Interaction Lab e participa de pesquisas juntamente com a universidade de Harvard.
  3. Prof. Dr. Carlos Fernando de Araujo Jr: Pró-reitor de Educação a Distância da Cruzeiro do Sul Educacional. Professor Pesquisador do Programa de Mestrado e Doutorado em Ensino de Ciências e Matemática da Universidade Cruzeiro do Sul (desde 2004). Graduação em Física pela UNESP, Mestrado e Doutorado em Física Teórica pelo IFT/UNESP e MBA-Executivo pela Fundação Dom Cabral (2016). Experiência na área de Tecnologias Digitais Aplicadas à Educação, principalmente nos seguintes temas: Tecnologias Aplicadas a Educação, Ambientes Virtuais de Aprendizagem, Educação a Distância, Metodologias de Ensino de Ciências e Matemática aplicadas a Educação Básica, Ensino Médio e Ensino Superior.
  4. Prof. Dr. Chao Lung Wen: Professor Associado, Chefe da Disciplina de Telemedicina do Departamento de Patologia da Faculdade de Medicina da USP, Líder do Grupo de Pesquisa USP em Telemedicina, Tecnologias Educacionais e eHeatlh, no CNPq/MTIC e responsável pelo Projeto Homem Virtual (computação gráfica e impressão 3D para aprendizado Morfofuncional, clínico anatômico).
  5. Cláudio Soares de Santana: Gestor de Tecnologia em Saúde
  6. Profa. Dra. Dagma Venturini Marques Abramides: Professora associada – Departamento de Fonoaudiologia da Faculdade de Odontologia de Bauru. Desenvolve trabalho para auxiliar a “adaptação do aluno” no ambiente universitário, desenvolvimento de assertividade, plano de estudo.
  7. Prof. Dr. Gyögy Miklós Böhm: Professor Emérito da Faculdade de Medicina da USP. Professor Titular do Departamento de Patologia da Faculdade de Medicina da USP, até 2006, responsável pela criação da Disciplina de Telemedicina em 1997 e chefe da Disciplina de Telemedicina do Departamento de Patologia, de 1997 – 2006. Autor de publicação sobre Avaliação de Rendimento Educacional.
  8. Profa. Dra. Josiane Maria de Freitas Tonelotto: Mestre e doutora em Ciências Médicas (UNICAMP), graduada em Psicologia (USF). Pesquisadora CNPq e FAPESP, professora e orientadora de cursos de pós-graduação stricto sensu. Executiva da área acadêmica por 13 anos na Rede Laureate de Universidades, tendo sido pró-reitora acadêmica da Universidade Anhembi Morumbi e reitora do EAD Laureate. Atualmente é Diretora Educacional da empresa Numberstalk.
  9. Profa. Dra. Lívia Almeida Dutra: Neurologista, Doutora em Ciências pela Unifesp, médica do processo ensino-aprendizagem no Hospital Israelita Albert Einstein.
  10. Profa. Dra. Maria Lucia Bueno Garcia: Professora Associada da Disciplina de Clínica Geral da Faculdade de Medicina da USP, coordenadora das Unidades Curriculares de Discussão Integrada de Casos (UC 21, para alunos do 1º a 4º ano no novo currículo médico da FMUSP) e responsável pela Telepatologia (desenvolvimento do Raciocínio Investigativo baseada em autópsia) dede 2003.
  11. Profa. Raquel Acciarito Motta: doutoranda pela Disciplina de Telemedicina do Departamento de Patologia da FMUSP, Mestre em Enfermagem, Especialista em Educação a Distância pelo SENAC-RJ, MBA em Gestão Universitária com ênfase na Avaliação Institucional, Especialista em UTI , Pós graduada em Administração Hospitalar. Foi Professora do Curso Graduação e Pós-graduação em Enfermagem no Centro Universitário São Camilo – São Paulo, onde implantou e Coordenou o Núcleo de Educação a Distância, levando-a ao credenciamento de EaD no MEC.